segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Continua...


Enfim Brasil, Florianópolis... em casa. Seria difícil imaginar que no final da viagem a vontade que existia de ir, quando na época da partida, seria igual à vontade de voltar. Justificado talvez por uma viagem que propôs tantos desafios, e ensinou tantas coisas em cada experiência com as pessoas ou com a natureza. Por fim, a comparação com o que aguarda em casa precisa então ser vivida.

Independente de primeiro mundo ou de subdesenvolvido, cada lugar e seu povo oferecem experiências boas e outras nem tanto. Estar longe de casa ajudou a resgatar o valor do que, em algum momento, pode ter se tornado banal, uma lição aparentemente simples, mas real, que pude resgatar mais de uma vez.

A parte de qualquer lição moral que pudesse ser discutida aqui, a missão desse projeto é explorar a estética, a imagem e alguma coisa do novo conteúdo adquirido pelos viajantes.

A viagem teve início na milenar Roma, onde também foi realizada uma produção fotográfica para a nova coleção da empresa de semi-jóias Cheia de Graça. Passando por aventuras nas ilhas vulcânicas das Canárias, onde cenários quase extra terrenos formam paisagens únicas, além de ondas potentes à sua volta. A viagem também levou ao continente Africano, no Marrocos, onde voltados para a imensidão do oceano Atlântico vivenciamos improváveis ondas que marcham perfeitas para surfistas exóticos, como alemães e suíços. Lá também apresentou-se uma cultura bastante diferente, herdada do mundo Árabe e traduzida pelo povo nativo, os Berbere. Finalmente, a aventura termina em um romântico cenário de Natal no inverno Europeu, mais precisamente em Paris antes de regressar ao calor do Brasil e de minha terra natal: Florianópolis.

O projeto Despertar continua...

Continua, pois meu trabalho fotográfico estará aqui, contudo diferente do dia a dia comercial. Aqui estarão sempre presentes os detalhes dos momentos especiais, buscando valorizar as histórias por meio da fotografia. Pois, como disse algum autor em algum tempo: “As melhores histórias nunca serão escritas”.

--------------------------------------------------

Agradecimentos:

A família, aos amigos e aos amigos novos feitos durante a viagem, que muitas vezes foram decisivos para a segurança em diversos momentos;

a boa fé humana, de solidariedade e vontade de construir;

aos apoiadores, marcas que acreditam no espírito de viajar e buscar novas possibilidades:

SDA – Surfing Division Acessories, na pessoa de Henrique Israel - www.sdasurf.com.br

Marcelo Barreira Surfboards, na pessoa de Marcelo Barreira - www.mbsurfboards.com

Algumas informações sobre o projeto

Países visitados – 30 dias / Roma - Itália / Ilhas Canárias – Espanha / Taghazout e Agadir - Marrocos / Paris - França

Distância percorrida: 28.000 km

Nº de vôos: 13

Fotografias tiradas: 3.726

Empresas apoiadoras: SDA – equipamentos de surf, Barreira Surfboards e Cheia de Graça

Visitantes do blog até março 2011: 1079

Países visitantes do blog 29: Brasil, Espanha, Itália, Marrocos, França, EUA, Austrália, Portugal, UK, Alemanha, Thailandia, Nova Zelândia, Vietnam, Holanda, Uruguay, Israel, Rússia, Suíça, Peru, Bulgária, Malta...

Total de visitas: 2095

Total de visitas do Brasil: 1687 em 55 cidades principalmente do Sul e Sudeste

Um comentário:

  1. Irado hein? Ta de volta então, quero ver se arrumo um tempo pra passar aí e ver umas fotos e ouvir umas histórias de pescador.. hahaha
    Abraço!

    Flávio

    ResponderExcluir